iconBR DE EN CN ES RU
Image
Icon
Jonathan | 7. fevereiro 2022

LoL: Entenda sobre a prioridade da Zeri no CBLOL.

A Faísca de Zaum é uma campeã muito nova, e começou hoje a sua jornada no competitivo depois das duas semanas de espera que todo campeão tem quando entra no servidor de League of Legends. Ela tem mecânicas muito diferentes pensando na maioria dos atiradores, e principalmente também a sua build, não é com crítico ou com foco em ataque de velocidade, longe disso, ela tem uma build bem peculiar pensando na relação com os outros atiradores. 

WitheredRose Zeri inline

Skin Zeri Rosa Definhada em League of Legends (Imagem: Riot Games)

Começando pelo auto ataque dela, Zeri tem duas formas de atacar usando o seu auto ataque obviamente ou utilizando o seu ‘’Q’’ Rajada Reluzente, que com certeza é o mais utilizado pois conta como projétil, assim, fazendo com que vários efeitos e passivas sejam provocados e ativados durante a ativa dele. Além disso, o tempo de recarga da habilidade é o mesmo que o tempo do auto ataque dela, podendo revezar quando ele está estacado que aplica lentidão e um dano maior, sem gasto nenhum da mana. 

Tendo isso em mente, a build dela é muito peculiar para o que o papel dela entrega no jogo, começando pela Força da trindade em sequência o Furacão de Runnan, e por último dos 3 itens mais importantes da builda dela, a Hidra Raivosa, e que diferença faz esses 3 itens juntos aplicando com o seu ‘’Q’’ Rajada Reluzente? Além desse auto ataque ser um projétil, ela consegue spammar isso diversas vezes fazendo com que a limpeza de minions seja muito efetiva com Runnan+Hidra, a questão é, em uma luta de grupo isso consegue ser 10x melhor, por a efetividade e alcance que a campeã tem infringindo dano em grupo, é muito forte e difícil de se controlar.  

Leia também: Twitch: Gaules fica em segundo lugar nos canais mais assistidos em 2021

zeri splash

Zeri a Faísca de Zaum em League of Legends (Imagem: Riot Games)

Tendo isso em mente, jogadores como Matsukaze e Disave conseguiram jogar com a campeã quando ela foi esquecida na parte de banimentos da fase de escolhas, ambas como primeira escolhas nas rotações por questão de prioridade e adaptação da campeã para os atiradores. Ambos atiradores conseguiram vitórias com a campeã na suas partidas do CBLOL, o Matsukaze foi o MVP do seu jogo e também o dano mais alto da partida, conseguindo extrair o máximo do que a campeã pode oferecer ao seu time.

Já o Disave teve muitas dificuldades na sua fase de rotas, perdendo eventualmente o 2×2, duas vezes no seu jogo, mas como a campeã tem um pico de poder muito forte quando alcança seus 3 itens, conseguiu voltar para o jogo tranquilamente mesmo tendo esse pequeno problema no começo, e assim usando todo o kit dela para conseguir limpar lutas em grupo, fazendo um quadra kill em um das lutas na jungle contra o time da Loud. 

Gostou da matéria? Então siga o Fragster agora mesmo em seu Twitter oficial, totalmente localizado em português, e não perca mais nenhum conteúdo de League of Legends, Esports e muitos outros games, além de matérias sobre Hardware e muito mais!